Segundo o boletim epidemiológico desta sexta-feira (31), o número de positivos subiu para 13.567 e o de óbitos foi a 372.

Às 17h37, taxa de ocupação na UTI era de 77,43%.

O prefeito Duarte Nogueira e o secretário de Saúde Sandro Scarpelini, em Ribeirão Preto, SP Reprodução/Facebook Ribeirão Preto (SP) chegou nesta sexta-feira (31) aos 13.567 casos confirmados de Covid-19.

Dos 346 resultados divulgados no boletim epidemiológico, 146 foram positivos e 200, negativos. Foram registradas mais nove mortes, elevando o total para 372.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, os pacientes faziam parte do grupo de risco para a doença. Veja o perfil dos óbitos divulgados nesta sexta-feira: 24/07: homem de 68 anos.

Tinha diabetes.

Morte registrada em casa.

25/07: homem de 76 anos.

Tinha doença cardiovascular crônica e diabetes.

Morte registrada em casa. 27/07: homem de 78 anos.

Tinha doenças cardiovascular, renal, neurológica e pulmonar crônicas e imunossupressão.

Estava em hospital privado.

27/07: homem de 83 anos.

Tinha doenças cardiovascular e renal crônicas e diabetes.

Estava em hospital privado.

29/07: mulher de 57 anos.

Tinha hipertensão arterial e obesidade.

Estava em hospital público. 29/07: mulher de 82 anos.

Tinha doença cardiovascular crônica e diabetes.

Estava em hospital privado. 29/07: homem de 84 anos.

Tinha doença neurológica crônica.

Estava em hospital privado. 30/07: mulher de 87 anos.

Tinha doenças cardiovascular e pulmonar crônicas e diabetes.

Estava em hospital privado. 30/07: homem de 83 anos.

Tinha doença cardiovascular crônica e neoplasia.

Estava em hospital privado.

Com os novos registros, o total de óbitos de homens subiu para 217 (58%) e o de mulheres, para 155 (42%). Do total de confirmados, 12.226 pacientes apresentaram síndrome gripal e 1.341 tiveram síndrome respiratória aguda grave (SRAG).

Mais 671 suspeitas da doença foram notificadas nesta sexta-feira, elevando o total para 35.496.

Outros 15.052 resultados deram negativo.

Ainda há 6.877 moradores à espera de laudo dos exames, dos quais 6.038 são de julho. UTIs e enfermaria Às 17h30, o site leitoscovid.org apontava a disponibilidade de 226 vagas de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), das quais 175 estavam ocupadas - taxa de 77,43%.

Houve melhora de 4,35% no índice de ocupação em relação a quinta-feira (30).

Já na enfermagem, dos 277 leitos oferecidos, 197 têm pacientes em tratamento - índice de 71,12%. Initial plugin text Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca