Análise indica que problema está na compatibilidade com as cores definidas na imagem.

Imagem que causa travamentos em alguns aparelhos Android.

Esta versão da imagem foi convertida e deve ser inofensiva, mas não é recomendado configurá-la no aparelho. Reprodução O que é a pior coisa que pode acontecer configurando um papel de parede no celular? Graças a um "bug" no Android, alguns usuários que decidiram experimentar um "papel de parede bomba" estão precisando redefinir seus smartphones para a configuração de fábrica. A imagem, quando configurada na tela inicial do celular, deixa o aparelho reiniciando constantemente, inviabilizando o uso.

Em geral, o problema pode ser resolvido redefinindo o telefone – um procedimento simples e rápido, mas que apaga os dados armazenados no aparelho. As fotos utilizadas pelo blog neste texto foram todas convertidas a partir da original e não devem apresentar risco, mas não é recomendado testá-las.

Caso o aparelho apresente o defeito e não seja possível trocar o papel de parede, é preciso consultar o manual para realizar uma restauração forçada.

Não devem ocorrer danos permanentes ao smartphone, mas a redefinição apaga arquivos não sincronizados com a nuvem. O caso ganhou popularidade quando um usuário do Twitter conhecido como "Ice Universe" divulgou a imagem, recomendado que ninguém configurasse a foto como papel de parede.

Muitos usuários decidiram arriscar – e acabaram com aparelhos travados, que reiniciam continuamente.

Vídeos e fotos foram publicados por usuários em resposta ao tuíte, demonstrando o problema na prática. "Ice Universe" é conhecido na rede social por divulgar detalhes antecipados sobre lançamentos da Samsung.

Mas o problema também foi confirmado em outros aparelhos com Android 9 e 10.

O Android 11 – que ainda não foi oficialmente lançado – não parece ter o defeito. Como a tela inicial é muitas vezes personalizada pelos fabricantes, também é possível que smartphones de determinadas marcas não tenham o bug. Initial plugin text Segundo uma análise do "Ice Universe", o problema pode ter relação com o formato de cores utilizado pelo arquivo.

Para representar as cores em arquivos e na tela, computadores e celulares utilizam tabelas de cores padronizadas de "espaços de cores".

Por alguma razão, a tela inicial do Android estaria processando as cores de forma indevida, causando um travamento. A "imagem bomba" está no formato de cores RGB, que é capaz de representar mais cores que o sRGB – o formato mais comum.

Mesmo que o aparelho não seja compatível com essas cores, ele deve convertê-lo para o formato adequado.

Em muitos arquivos, as cores são definidas de forma incorreta, o que também deve ser identificado para evitar erros de processamento. O Android é plenamente capaz de realizar essa conversão.

Ver a imagem na web não causa problemas, por exemplo.

Mas, por algum motivo, a tela inicial processa a imagem de um jeito diferente. O programador Davide Bianco, que trabalha em uma versão personalizada do Android, já enviou uma sugestão de código para o Android base, que é usado como ponto de partida para as derivações dos fabricantes.

Se o problema realmente for esse e a sugestão for acatada, o código pode chegar aos telefones dos usuários em uma futura atualização e eliminar o "bug". Em comunicado citado pela "BBC", a Samsung prometeu uma atualização no dia 11 de julho. Usuário 'Ice Universe' enviou imagem original (esq.) para rede social chinesa e percebeu mudança nas cores, o que indicou a possibilidade de um problema no espaço de cores usado no arquivo. Reprodução/Twitter/Ice Universe Dúvidas sobre segurança, hackers e vírus? Envie para g1seguranca@globomail.com